Loucura deliciosa com vizinho novinho

Sou branco magro cabelo castanho claro e sou bissexual e sou casado mais curto uma putaria até hoje.
Estava casa em uma noite chuvosa quando aí passar pela frente da casa avisto esse novinho chamado Léo, e comprimento ele , logo ele vira e diz esse tempo está bom pra tomar um vinho né? , Eu sempre o admirei pelo beleza corporal q ele tem, voltando ao conto. Virei pra ele e pra mais um amigo dele os dois estavam com 18 anos, e disse com certeza um vinho cai bem logo

me pergunta tem lá não? Disse cara acho que tenho, ele diz vamos beber um vinho então nossa nunca ele foi em minha casa beleza mandei os dois entrar e abri a garrafa de vinho e começamos a beber, nisso o amigo nosso q estava lá disse pow to cheio de fome aí respondi pow vai na rua e tenta encontrar algo ou um lanche pra vc aí deu o dinheiro a ele só Léo ficou lá comigo batendo papo, nisso a maldade já veio na minha cabeça vou dar uma envestida, nisso pergunto a ele se ele poderia fazer um serviço no meu banheiro fechar uns buracos de ventilação acima do forro, sim ele me pediu pra ver disse só de dia com a claridade do sol q da pra ver aí ele
Ele : apaga a luz que a luz do poste referente Aki.
Apaguei e ele fechou a porta pra ficar mais escuro pra ver melhor, nisso eu mostrando as fendas e ele atrás olhando nisso esbarro o meu braço nele logo ele pegou minha mão e colocou sobre o pai dele nossa me espantei pelo volume do pai, nisso falei pera aí vamos ver se o amigo vinha nisso entro no meu quarto e pela janela vejo logo ele atrás de mim me sarrando abaixei e coloquei o pai dele pra fora aí sim vi o tamanho do cacete do muleke deveria ter uns 21 cm e muito grosso, nossa fiquei como não conseguia colocar ele todo na boca mais mesmo assim mamaei ele mais rápido, pois ouvi barulho no portão é era o amigo chegando nisso ele se ajeita e fala vou dar um jeito do nosso amigo ir embora comigo e dali a meia hora eu volto, e foi meia hora mesmo q ele voltou aí fomos pra quarto tirei toda sua roupa uma pele morena clara barriga sarada é um pau de dar medo mais cai de boca isso já era duas da manhã mamaei tanto q deu câimbra na boca, nisso ele pede pra comer.meu cu aí trimestre mesmo pensei será q aguento? Mais encarei deitei de lado e virei a bundinha pro lado dele logo já veio com aquele pau imenso no buraquinho do meu cu dei cada calafrio mais deixei rolar tentou de primeira de segunda e nada da cabeça entrar mais foi com mais calma aí senti tudo se rasgando por dentro entro a cabeça e o resto foi me rasgando nossa era tudo misturado dor prazer tesão a porra toda nisso lágrimas desceu dos meus olhos mais aguentei firme nossa me fodeu até às três da manhã só socando sem parar até que quando falou quero meter de 4 aí vi que eu ia morrer pois de lado da pra controlar a metida dele nossa fiquei de 4 aí meteu com força até gozar e parecia que o muleke não gozava a anos muito leite que jogou no meu cu aí cai de cansaço e sem força, logo me disse que nunca tinha transado com ninguém era Cabaço . Saiu e pediu segredo é nunca mais voltou tentei mais não quis de novo. Ainda babo ele passando na rua. Espero que gostem do cinto fato verídico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.