O Esposo tesudo da minha Tia

Olá me chamo Daniel e vou descrever aqui uma história real, sou branco tenho 18 anos, magro 1,70 de altura, cabelo liso castanho claro e olhos castanho escuro.

Sete Sensações Anestésico

Após passar muitos dias em casa resolvi sair estava sem estudar, afastado do trabalho e entediado resolvi ligar para minha tia Carla e ver se poderia dormir na casa dela, liguei para ela é disse:

– Alô tia
-Oi Daniel fala
-Posdo dormir na sua casa hoje
-Pode ,vai vir que horas?
-Pode ser 17:00 da Tarde?
-Pode vou ali no mercado com o Fabrício e já volto
-Okay até daqui a pouco
-Até

Resolvi tomar banho antes de ir liguei para minha mãe avisei que ia dormir na casa de tia Carla e saí, não sei pq mas quando pego ônibus a caminho de casa começo a pensar em putaria, difícil de acreditar mas aos 18 anos ainda não tinha perdido minha virgindade, talvez porque para um gay seja mais difícil ter a primeira relação sexual É pior é que isso não me impedia de pensar em sexo todos os dias, as vezes pensava tanto que ficava com medo da minha família descobrir que sou gay.

Quando chego no condomínio dígito o número é bloco e quem atende é Fabrício:

– Pois não
_Oi Fabrício é o Daniel
– A tá bom já estou descendo sua tia tá tomando banho
– Okay estou te esperando

Ele chega ao portão alto de pele morena, cabelo cortado baixo, boca carnuda, olhos castanho claro, alto 1,79 , pesava uns 80 kilos e tinhas pelos nas pernas, vestia uma camiseta Branca e bermuda Verde, tinha uma cara tão máscula.

– Oi Daniel tudo bem?
-Tudo bem Fabrício e você
– estou bem, veio comer a torta da sua tia foi?
-Exatamente Rsrs
– Sabia Rsrs

Subimos as escadas ele atrás de mim, quando estamos subindo derrepente não sei porque escorrego no degrau e quase caio, porém Fabrício me segura.

-Ai
-Cuidado para não se machucar sua pele é muito branquinha qualquer coisa já fica marcada
Diz ele acariciando meu braço
– Desculpa quase eu caio, te machuquei ?
-Não

Entramos no apartamento minha tia sai do banho, em seguida Fabrício entra, após sair comemos a torta de frango da tia Carla e assistimos a novela das 8, durante o jornal minha tia levanta para lavar a louça e fico com Fabrício no na sala, pego ele me olhando várias vezes e depois acariciando seu pau por fora na bermuda, mas finjo não ver afinal poderia ser coisa da minha cabeça, depois assistimos a novela das 9 conversamos e vamos dormir eu na sala e eles no quarto.
Antes de dormir vou ao banheiro escovar os dentes e quando saio ouso atrás da porta.

-vamos fazer hoje
– Estou com dor de cabeça e cansada
-Vai só um pouquinho
-Não vai dormir
-Porra de novo, caralho Carla tá dificil asim dormir com você vou pra sala assistir um filme então

Eu saio correndo

Fabrício pergunta se pode assistir o filme eu digo que sim
Ele começa assistir um filme de terror algo sobre 6 adolescentes que começar a ser perseguidos por um cara no início do filme tem uma cena de sexo, o que me deixa excitado, ao decorrer do filme fico com medo e acabo agarrando Fabrício, morro de vergonha e me afasto

-Tá com medo rsrs, vem cara pode me abraçar
Eu apenas olho retraído, ele me pega coloca do seu lado e acanha meu rosto e braço no seu peito, eu fico paralisado, mas ao mesmo tempo amo o calor de seu peito, durante o filme outra cena de sexo uma jovem chupando um rapaz muito bonito, é quando Fabrício pega minha mão é desce devagar pelo sua barriga adentrando sua cueca e me fazendo sentir seu pau enorme com alguns pelos bem macios

-Fabrício não podemos
– Shiiiii eu sei que você que eu vi você me olhando, você não tirava o olho do meu pau
-a tia tá no quarto ela vai acordar
-Não vai é só não fazer barulho
-Isso é muito errado
-Não você que, eu quero é só não contar para ninguém agora vai segura esse pau e bate gostoso pra mim vai.
Eu começo a bater aquele pau grosso e tão quente, enquanto isso ele sussurrava sacanagens no meu ouvido:
-Vai bate gostoso, assim bate Humm delícia, eu sabia que você gostava de macho Dani, seu viadinho safsdo, sempre soube disso continua batendo tá gostando dessa rola de macho tá?

– Estou
-Você não que coloca a boca pra você sentir o gosto?
-Quero
-Então chupa, cai de boca

Eu coloco a boca no pau dele e sinto um cheiro tão gostoso de rola, misturando com um sabor meio estranho salgado e quente porém bom é molhado chupo todo seu pau bolas, passo minha língua na cabecinha bem devagar sinto o cheiro dos pelos e depois pergunto se posso beijar um pouco seu abdômen
-Posso te beijar? Te tocar?

– Ele diz baixinho:
-Pode

Eu começo a beijar aquela barriga todinha,tinha um pouco de pelo o que deixava a sensação ainda melhor, mordo e passo a língua nos seus mamilos e volto a chupar seu pau até ele goza

-Isso continua vou goza, Carvalho aí vou goza na sua boquinha Dan, Aiiii que delícia Caralho

Após isso ele tira sua cueca branca e limpa minha boca e seu pau bem lentamente, vai ao cesto de roupa suja joga a cueca lá veste a sua bermuda, caminha até o sofá, me beija na boca e deseja boa noite
-Boa noite Dan foi um delícia
-Foi maravilhoso
-Me promete que não vai contar para ninguém, muito menos para Carla
-Prometo e você não conta para ninguém que eu sou gay, por favor tenho muito medo
Ele pisca e diz:
-Prometo vai ser nosso segredo.

Bom pessoal essa foi a primeira vez que eu fiquei com o Fabricio, no dia seguinte ocorreu a melhor e única foda da minha vida até hoje com ele se vcs quiser saber oque e como aconteceu digam nos comentários que eu conto.

Beijos espero que tenham gostado da minha primeira vez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.