Comendo o Melhor amigo

Depois do enterro de Junior, eu evitei ver e falar com Henrique novamente. Para ser bem sincero, eu estava me sentindo péssimo por saber que Ricardo não gostaria nada de saber que eu estava de caso com seu irmão. Já doía bastante ter perdido Junior e não ter feito nada para ajudá-lo, porque simplesmente resolvi me afastar dele. Estava decidido a não perder mais nenhum amigo. Henrique me mandou algumas mensagens, mas eu não respondi. Ele deve ter entendido e parou de me procurar.

Continue lendo… “Comendo o Melhor amigo”

Novinho pirocudo me enrabou gostoso na praia

Ontem pela noite umas 19:00h enquanto navegava pelo Grindr, avistei um usuário com o nome bem chamativo sendo ele “grupo sexo-hoje”, claro que fiquei bastante interessado e logo chamei o tal user para conversar. No decorrer da conversa, vi que além do nome estampado na minha cara se travata de um grupo de wpp que estava com uma foda marcada para aquele dia, no caso 20/12. Em meio a tudo isso, perguntei se poderia participar, o mesmo disse que sim, mas estava muito em cima da hora e me perguntou informações básicas, como: onde moro, idade, trocamos fotos e zap , coisas do tipo. Com todas as informações dadas, ele me passou o local onde todos iriam se encontrar, e me alertou que caso eu me interessasse por alguém e quizesse tranzar era só ir para uma parte discreta do local. O local era praia do Pina, bastante conhecida aqui em Recife.

Continue lendo… “Novinho pirocudo me enrabou gostoso na praia”

Perdendo o cabaço na sauna

Oi me chamo josh tenho 21 años e esse é o meu primeiro conto aquí espero que gostem, é verídico de algo que aconteceu comigo no começo desse ano.

Sempre me considerei hétero mas tinha algumas curiosidades com relação ao sexo oposto, sempre estive com mulheres mais quando era jovem tive uma experiência com um primo que sempre ficou na minha cabeça. Mas esse ano estava na minha cidade e me deu curiosidade é um pouco de tesao rsrsrs e acabei buscando alguns chats e me contactei com um rapaz que

Continue lendo… “Perdendo o cabaço na sauna”

Dando uma rapidinha na borracharia

Olá amigos(as)! Estou retomando meus escritos após algum tempo. A correria do cotidiano acaba dificultando o preparo do material que publico. Foram anos de experiências e vivências que estão sendo relatadas aos poucos. Espero que leiam e gostem.

Esse fato ocorreu em 1994. Finalzinho de Janeiro após meu contato com Jurandir ter iniciado. Conforme relatei no último conto muita coisa mudou desde que conheci este rapaz. Não passava uma semana sem ter sexo. Tornou-se quase um hábito experimentar cacetes volumosos matando minhas vontades e curiosidades.

Continue lendo… “Dando uma rapidinha na borracharia”

O primeiro troca-troca

Bom amigos , com este conto encerro essa série, em momento nenhum destes eu insinuei ou disse que eles iriam se tornar um casal para sempre ou se tornarem isso ou aquilo, eram dois meninos que despertaram para suas sexualidades juntos e se divertindo um com o outro, como a grande maioria dos homens que um dia já fizeram troca a troca, e nem por isso se mantiveram homossexuais ou bissexuais na sua fase adulta, tendo essas experiências marcadas na sua curva de aprendizado , podendo dizer assim. Me cobraram num dos contos para não deixar o protagonista ser um escroto, desculpe se não irei agradar você, mais ele é um garoto que curte gozar e aprendeu o preço a ser pago e fez as suas escolhas e avançou nas sua curva de aprendizado, nunca beijou ou acariciou o outro, so queria gozar e assim o fazia.

Continue lendo… “O primeiro troca-troca”