Virando uma putinha no cine Republica

Olá queridos. Muitos aqui devem conhecer o cine Republica em sampa, bem, eu estava sem uma boa transa a alguns meses. Eu amo o gostinho de porra quente escorrendo pra dentro da minha boca e estava louco pra chupar uma boa pica e, se rolasse uma penetração ia adorar. Eu estava com um pouco de pressa pois tinha serviço pra fazer, mas mesmo assim dei uma passada rápida no cine. Pensei que não ia dar em nada pois era de manhã. Já estava indo embora

frustrado, não tinha quase ninguém e estava com muita vontade de pau. Resolvi então dar uma última passada no dark-room, para minha alegria logo um cara me ofereceu o cacete já duro. Era uma pau pequeno mas servia. Me levou pro escurinho e me fez ajoelhar na sua frente e disse: -chupa gostoso minha putinha. Eu amo ser chamada de putinha, foi o suficiente pra eu não perder tempo e engolir aquela pica deliciosa. Chupei como nunca e, pelo jeito ele estava adorando pois gemia delirando de prazer eu eu só pensando que ia matar a minha vontade de leitinho de macho. Ele segurava minha cabeça e enfiava o cacete bem fundo na minha garganta e eu urrando de prazer e sentindo o gosto daquela pica e e pensando que seria ótimo se outro cara aparece e também participasse me didivindo com o primeiro. Dito e feito, logo apareceu uma outra pica pra eu chupar, essa era maior mais macia e gostosa e eu com dois pau na boca…que delícia. Suava como um louco de tanto tesão e os dois com sinais claros que estavam cheios de tesão por mim, 15 minutos depois o primeiro não aguentou e gozou dentro da minha boca e, pelo jeito não gozava a dias de tanta porra que eu quase engasguei, mas aguentei firme e me deliciei engolindo tudo, Ele se afastou e o segundo continuou com a putaria. Seu pau estava delicioso e eu não queria que aquilo acabasse, logo ele avisou que ia gozar e eu abri bem a boca só pra receber minha segunda porção de leite naquela manha.Era tanta porra que escorreu e me melou todo o meu peito. Exaustos fomos pro banheiro nos lavar. Os dois gostaram tanto que me pediram pra ir pra um hotel continuar a putaria, pois queriam experimentar o meu cuzinho também pois disseram que amaram a minha bundinha e o safado que sou eu. Aceitei e fomos, vou contar tudo o que aconteceu no próximo conto. bjss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.